VAGA DE GARAGEM – Como solucionar os conflitos?

Veículos estacionados na vaga do vizinho, veículos bloqueando a passagem…  a vaga de garagem é motivo de muito conflito dentro dos condomínios.

O uso de vaga de garagem não possui regra fixa pois depende, exclusivamente, das normas do condomínio, com exceção a venda e aluguel para pessoas de fora do condomínio (art. 1.331 do Código Civil).

Os síndicos devem ficar atentos aos conflitos ligados as vagas de garagem de devem agir com firmeza solucionar o impasse e aplicar as advertências e/ou multas previstas no regimento interno e na convenção do condomínio.

Os problemas mais comuns são:

  • Carro estacionado na vaga do vizinho;
  • Carro bloqueando a passagem;
  • Vaga utilizada como depósito;
  • Carro mal estacionado;
  • Dois veículos na mesma vaga (carro, moto, bicicleta, etc).

Todos os problemas acima exigem uma ação rápida do síndico, que deverá aplicar advertência e/ou multa, bem como a realização de campanhas de conscientização quanto ao uso correto das vagas de garagem de acordo com o regimento interno e convenção.

COMO REDUZIR OS CUSTOS DO CONDOMÍNIO? – Focalize na economia de luz e água

As contas de luz e água costumam ser bastante altas em um condomínio.

Uma opção é instalar sensores de presença para que as lâmpadas só sejam ligadas quando houver movimentação de pessoas no local, já que muitos ambientes ficam com as luzes acesas mesmo na ausência de pessoas. Outra opção é trocar a lâmpada comum pela de LED.

Quanto a água, o condomínio pode pensar em investir em reservatórios de água de chuva e, ao invés de usar a água tratada, poderá reaproveitar essa água para realizar as limpezas em geral.

Pequenas mudanças podem gerar uma grande economia nas contas do condomínio.

INADIMPLÊNCIA EM CONDOMÍNIO – O que fazer?

Uma situação que assusta qualquer credor é a inadimplência.

Ser amigável e prático são as melhores maneiras de lidar com um inadimplente.

Uma dica é enviar cartas de cobrança, isso evita ações judiciais. Na verdade, o envio de carta de cobrança é uma via extrajudicial muito eficaz, pois possui uma escrita muito mais amigável.

Jamais envie uma mensagem com tom ameaçador, pois as chances de receber de um devedor coagido serão muito menores.

COMO ENVIAR?

A forma mais usual de enviar uma carta de cobrança é pelos Correios através de telegrama ou carta registrada com AR (Aviso de Recebimento), pois esses meios permitem a confirmação do recebimento. Ademais, o envio de e-mail também poderá ser utilizado.

Realizar uma cobrança nunca foi fácil, mas se o condomínio usar as ferramentas certas e agir com discrição e profissionalismo, terá grandes chances de receber os pagamentos em atraso.

Por isso é de suma importância sempre ter uma assessoria jurídica para dar o suporte necessário ao condomínio.

O escritório BENFICA Advocacia e Consultoria Jurídica busca atender todas as necessidades do condomínio, seja de forma preventiva, contenciosa ou ativa, fazendo com que o síndico e o condomínio estejam sempre assessorados .